REGISTROS

NOTÍCIAS

CONFINARTE: A arte no confinamento dos médicos acadêmicos

Graças à inesperada aproximação permitida pela comunicação digital acelerada em meio à pandemia, os diretores da Academia Sul-Rio-Grandense de Medicina (ASRM) encontraram uma maneira criativa de compartilhar a vivência no confinamento sanitário, iniciado em março.

 

No grupo de Whats App da diretoria, destinado à informações administrativas rotineiras, também passaram a trocar mensagens de fundo cultural e cunho mais pessoal, abordando assuntos como artes, fotografias, literatura, desenho, cinema.

 

Dessa atividade interativa surgiram diversas manifestações artísticas que eles reuniram em um pequeno livro impresso organizado pela tesoureira da entidade, Acadêmica Miriam da Costa Oliveira e batizado pelo Acadêmico Luiz Carlos Correa da Silva como “Confinarte”.

 

Conforme o presidente Carlos Henrique Menke, a atividade é “uma singela manifestação de um grupo de Acadêmicos no enfrentamento da epidemia, contrapondo a arte e a beleza ao isolamento e à solidão”.